ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Artigos] - Dezenas de milhar/milhares

Na extracção dos números da lotaria
deverá dizer-se «dezenas de milhar»

Maria Regina Rocha*

As expressões «dezenas de milhar» e «dezenas de milhares» designam realidades diferentes.

Na extracção da lotaria, deverá dizer-se «o algarismo das dezenas de milhar».

«Dezenas de milhar» utiliza-se matematicamente quando se pretende referir a ordem, ou seja, a posição que o algarismo ocupa na representação de um número. Na representação de um número existem classes: as mais referidas são a classe das unidades, a dos milhares e a dos milhões. Dentro de cada classe, existem as ordens. Temos, então, na classe das unidades, as unidades, as dezenas e as centenas; na classe dos milhares, as unidades de milhar (ou os milhares), as dezenas de milhar e as centenas de milhar; na classe dos milhões, as unidades de milhão (os milhões), as dezenas de milhão e as centenas de milhão.

Assim, na referência aos algarismos constituintes de um número, deverá dizer-se que existe o algarismo das unidades, o algarismo das dezenas, o algarismo das centenas; o algarismo das unidades de milhar, o das dezenas de milhar, o das centenas de milhar; o algarismo das unidades de milhão, o das dezenas de milhão e o das centenas de milhão.

Para se compreender facilmente este conceito, vejamos, por exemplo, o que significa a expressão «duas dezenas de milhar». Significa 20 (duas dezenas) vezes 1000 (um milhar), ou seja, 20 000. Não faz sentido dizer «duas dezenas de milhares», pois temos o multiplicador («duas dezenas»), mas não sabemos qual é o multiplicando, ou seja, estamos a multiplicar duas dezenas por quantos milhares? É que, se multiplicarmos duas dezenas por um milhar, obteremos 20 000, mas, se multiplicarmos duas dezenas por «milhares», por «dois milhares», por exemplo, já obteremos outro número, no caso, 40 000.

Analisemos, por exemplo, o número 23 546. Temos 6 unidades, 4 dezenas, 5 centenas, 3 milhares (unidades de milhar) e 2 dezenas de milhar (ou seja, 20 x 1000 = 20 000). Tudo somado (20 000 + 3000 + 500 + 40 + 6) dá o número 23 546. Não se pode dizer que o primeiro algarismo é o das "dezenas de milhares" (duas dezenas de quantos milhares?), mas sim o das dezenas de milhar: são duas dezenas de um milhar, ou seja, 20 000.

É assim que, na extracção da lotaria, se deverá dizer "o algarismo das dezenas de milhar".

Quanto à expressão «dezenas de milhares», ela é aceitável quando se pretende evidenciar uma grande quantidade de seres ou objectos cujo número não se conhece ou não se pretende precisar e apenas se quer pôr a tónica na grande quantidade: são dezenas a multiplicar por milhares. «Dezenas de milhares» pode utilizar-se quando se lhe segue um substantivo, por exemplo, na frase «Estavam na praça dezenas de milhares de operários»: há milhares de operários, há dezenas de milhares de operários. Trata-se de uma expressão imprecisa, mas que poderá utilizar-se, repito, por uma questão estilística.

17/07/2008

Sobre o autor

* Maria Regina Rocha, licenciada em Filologia Românica pela Universidade de Lisboa; mestrado em Ciências da Educação, pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra e doutoranda na mesma; professora na Escola Secundária José Falcão, em Coimbra; larga experiência pedagógica no ensino politécnico (Escola Superior de Educação de Coimbra) onde lecionou várias disciplinas na área da Língua Portuguesa. Coautora, entre outros livros, de Cuidado com a Língua!, Assim é que é falar! 201 perguntas, respostas e regras sobre o português falado e escrito, e A Gramática – Português – 1.º Ciclo.

Enviar:

Artigos
E se existisse o verbo striptear (ou stripitizar)1?
O anómalo "jihadista"
Como (não) caber numa carteira
Um bom censo (espera-se) com bom senso
A barafunda
entre islamitas e islamistas
Biografia Épica
8 Séculos de Língua Portuguesa promove celebração
do 4.º centenário da Peregrinação de Fernão Mendes Pinto
Plataforma do Letramento (Brasil) promove campanha "Oralidade: variações e sotaques"
Traído pela voz
Nova diretora do IILP assegura Acordo Ortográfico em toda a CPLP
«ao ritmo e possibilidades de cada país»


Mostra todos

Ciber Escola Ciber Cursos